Home
- P O R T A L   D A   A G E N D A   P A R A N H A N A   2 0 2 0 -

 

  Conhecendo a Agenda
  Vídeo Institucional
  Artigos
  ACOMPANHANDO OS   PROJETOS
  Depoimentos
  Participe




Conhecendo a AGENDA PARANHANA 2020

O que é Agenda Paranhana 2020?
É um movimento da sociedade civil, iniciado em 2006, que visa transformar o Vale do Paranhana numa região de primeiro mundo, ou seja, um lugar excelente para se viver e trabalhar. A Agenda não é uma lista de reivindicações, nem solução única para os problemas da sociedade. A Agenda é uma planejamento que integra os setores público e privado em torno de objetivos, metas e projetos, considerados estratégicos.

Quem faz a Agenda?
A Agenda não anda sozinha, ela precisa do engajamento da comunidade do Paranhana, assim como ela não tem um dono, pois é de todos. Em todas as etapas e nos fóruns de gestão acontecem a participação de lideranças comunitárias, políticas, empresariais, de trabalhadores, ONGs, Instituições de ensino, poder público, enfim, de representantes de toda a sociedade. O primeiro encontro da Agenda que aconteceu no dia 7 de novembro de 2006, que contou com a participação de aproximadamente 300 pessoas, teve como promotores: Prefeitura de Igrejinha, Parobé, Riozinho, Rolante, Taquara e Três Coroas. ACIS Rolante, Associação Comunitária de Riozinho, CDL Taquara, CDL Igrejinha/TC, CDL Rolante/Riozinho, CICS VP, FACCAT, SINDILOJAS VP, Sind. da Ind. do Calçado de Igrejinha, Sind. Ind. Calç. Parobé, Sind. Ind. Calç. Três Coroas, Soc. de Psicologia do RS - Regional Taquara, Sindicato Rural VP.

A elaboração da Agenda segue alguma metodologia?
A Agenda segue vários métodos sendo um dos principais o Balanced Scorecard. Esta metodologia foi criada nos Estados Unidos nos anos 90 e permitiu às empresas que a adotaram a reversão de resultados operacionais negativos. Posteriormente, a mesma metodologia passou a ser adotada fora do meio empresarial, ao se perceber que ela é útil para qualquer grupo que decida pensar sua estratégia de atuação de longo prazo. No Brasil a primeira experiência foi feita no âmbito do Estado do Rio Grande do Sul e o Paranhana é a primeira região do Estado a aplicar a medotologia.

Há alguém que coordena a Agenda?
A Agenda vem sendo coordenada pela CICS-VP (Câmara da Indústria, Comércio, Serviços e Agropecuária do Vale do Paranhana) com o apoio da Agência de Desenvolvimento Pólo-RS.

Qual é o produto final da Agenda?
A Agenda não tem um prazo para ser encerrada. Nela estão um conjunto de projetos que precisam ser continuamente monitorados e revisados com vistas ao longo prazo. O ano de 2020 é o marco inicial para que todos ou a grande maioria dos projetos estejam consolidados, o que não determina o encerramento da Agenda pois novos desafios virão. Até 2020, espera-se que os indicadores da região tenham dado um salto de qualidade.

Como se faz para participar da Agenda?
Toda a comunidade pode participar, enviando sugestões através do site e do telefone da CICS-VP, participando dos Fóruns de Gestão que são realizados todos os anos e informados pelos órgãos de imprensa e também acompanhando o andamento dos projetos através do site e cobrando dos responsáveis.



Mapa Estratégico:

No dia 8 de maio de 2007, no auditório da Faccat, em torno de 101 pessoas assistiram a apresentação do Mapa Estratégico do Paranhana, entre os quais prefeitos, vereadores, empresários e trabalhadores. O Mapa é o produto do trabalho que vem sendo realizado desde o final do ano passado pela Agenda Paranhana 2020, uma iniciativa de todas as prefeituras municipais, ACIS Rolante, Associação Comunitária de Riozinho, CDL Taquara, CDL Igrejinha/Três Coroas, CDL Rolante/Riozinho, CICS VP, FACCAT, SINDILOJAS VP, Sind. da Ind. do Calçado de Igrejinha, Sind. Ind. Calç. Parobé, Sind. Ind. Calç. Três Coroas, Soc. de Psicologia do RS - Regional Taquara e Sindicato Rural VP. Dentre os grandes desafios que foram apresentados está a necessidade da diversificação econômica, sendo que as áreas prioritárias eleitas foram a promoção da indústria da reciclagem e de pólos de inovação tecnológica. Também o setor público foi destacado, sendo que os dois principais desafios apresentados foram a transparência e clareza na prestação das contas públicas e a qualificação e avaliação permanente dos servidores, dos vereadores e dos prefeitos.

 

FOTOS:


1ª ETAPA


Descrição:

O primeiro encontro da Agenda aconteceu no dia 7 de novembro de 2006, no Parque Ecoland, em Igrejinha, e contou com a participação de aproximadamente 300 pessoas, representando os mais diversos segmentos da sociedade (empresários, trabalhadores, poder público, educadores, profissionais liberais,...).
Neste encontro foram definidos desafios e ações que devem ser planejadas e executadas pelo setor público e iniciativa privada, tornando o Paranhana um lugar melhor para viver e trabalhar.

Temas:
GESTÃO PÚBLICA
INFRA-ESTRUTURA
DESENVOLVIMENTO REGIONAL
DIVERSIFICAÇÃO DA ECONOMIA
EDUCAÇÃO E CULTURA
SAÚDE E SANEAMENTO
SEGURANÇA
MEIO AMBIENTE

FOTOS:


2ª ETAPA



Descrição:

Durante os meses de janeiro e fevereiro de 2007, 303 entrevistas foram realizadas com pessoas que participaram do primeiro encontro e também com pessoas que não participaram. Novas ações foram sugeridas dentro dos temas escolhidos na primeira etapa. Os entrevistados também tiveram a oportunidade para escolherem os desafios que consideraram os mais prioritários para serem assumidos pela região na direção de torná-la até o ano de 2020 a melhor região do Estado do Rio Grande do Sul para viver e trabalhar.

Desafios:

GESTÃO PÚBLICA
Modernização e desburocratização da máquina pública
Transparência e clareza na prestação das contas públicas
Maior austeridade nas administrações públicas
Qualificação e avaliação permanente dos servidores e dos gestores públicos
Criação de uma poupança pública em cada município
Aumento da representatividade política da região

INFRA-ESTRUTURA
Definição de áreas com infra-estrutura adequada para novos empreendimentos
Conservação e melhoria das estradas
Pesquisa de fontes alternativas de energia
Implantação de um aeroporto regional

DESENVOLVIMENTO REGIONAL
Definição das principais vocações da região
Criação de um plano integrado para o desenvolvimento econômico da região
Formação de líderes empreendedores para atuação na região
Fortalecimento e ampliação dos arranjos produtivos locais (foco: Calçados)
Consórcio regional para atração de novos empreendimentos
Criação de marketing institucional da região
Incentivo ao associativismo, redes de cooperação e intercâmbio entre empresas locais

DIVERSIFICAÇÃO DA ECONOMIA
Promoção da indústria da reciclagem
Promoção do turismo sustentável
Promoção do setor moveleiro
Promoção do setor metalmecânico
Promoção do agronegócio e negócios ecológicos (água, biodiesel, bambu)
Promoção da produção e industrialização de alimentos
Promoção de pólos de inovação e tecnologia

EDUCAÇÃO E CULTURA
Maior qualificação do ensino fundamental, médio, técnico e superior
Integração das escolas, faculdades e empresas no âmbito municipal e regional
Criação de cursos técnicos e cursos superiores de acordo com a vocação municipal e regional
Erradicação do analfabetismo e redução da evasão escolar
Capacitação das escolas para o ensino de um segundo idioma fluente
Educação em turno integral
Qualificação e ampliação de bibliotecas e espaços culturais

SAÚDE E SANEAMENTO
Criação de um hospital regional para atendimento de alta complexidade
Qualificação dos serviços em hospitais, clínicas e consultórios
Criação de programas de prevenção da saúde física e mental
Educação para o planejamento familiar
Implantação de estações de tratamento de esgotos em todos os municípios
Criação de centros públicos de atendimento psicológico

SEGURANÇA
Formulação de uma política regional de segurança pública
Criação do Fundo Regional de Segurança Pública
Aumento do contingente policial na região
Aumento da segurança no presídio regional (Taquara)
Qualificar e valorizar profissionais dos órgãos de segurança

MEIO AMBIENTE
Implantação de coleta seletiva de lixo em todas as cidades da região
Criação de centrais de tratamento de resíduos industriais
Preservação e manutenção das áreas verdes e bacias hidrográficas
Criação de programa para recomposição da Mata Ciliar
Educação ambiental nas escolas
Respeito às leis ambientais e aos planos diretores municipais.


3ª ETAPA


Descrição:

No mês de março 4906 pessoas do Paranhana, trabalhadores da iniciativa, empresários, profissionais liberais, funcionários públicos, políticos, entre outras, escolheram aqueles desafios que para elas representaram os mais prioritários dentro dos 8 temas da Agenda.

Veja o resultado clicando aqui.

FOTOS:

 

4ª ETAPA


Descrição:

Dentre os meses de julho e setembro estão ocorrendo as reuniões dos grupos temáticos da Agenda Paranhana 2020, reunindo representantes da iniciativa privada, trabalhadores e empresários, e do poder público, funcionários públicos, secretários municipais e vereadores. As lideranças convidadas têm se reunido, sob a orientação de facilitadores, e estão subdivididas por tema e objetivo. Os participantes são aqueles que possuem um certo grau de especialidade e afinidade com o tema e dentre as tarefas está discutir indicadores e projetos muitos dos quais já foram apresentados nas primeiras etapas. O resultado dos trabalhos deverá ser apresentado a toda a sociedade do Paranhana em novembro quando a Agenda completará um ano.

FOTOS:

 

RELATÓRIO 2007: Download

 

FOTOS:

 

ARTIGOS:

 

TÍTULO
AUTOR
#
No rumo da integração regional. Marcos Kayser
Cinco perguntas básicas para planejar uma região que pretende prosperidade. Marcos Kayser
Segurança Pública, um tema estratégico dentro da Agenda Estratégica. Cláudio Silva da Rocha